Municípios que não entregaram declarações das contas anuais podem deixar de receber recursos; confira as orientações

Municípios recebem R$ 1,671 bilhão da cessão onerosa em 20 de maio
19/05/2022
FPM: CNM publica nota com os valores do segundo decêndio; confira
20/05/2022
Exibir Tudo

Mais de mil Municípios deixaram de homologar as Declarações das Contas Anuais (DCA) de 2021 no Sistema de Informações Contábeis e Fiscais do Setor Público Brasileiro (Siconfi). A Confederação Nacional de Municípios (CNM) reforça a necessidade de realizar esse procedimento para evitar suspensões nos repasses de recursos. A Secretaria do Tesouro Nacional (STN) estendeu o prazo até a próxima segunda-feira, 23 de maio.

De acordo com informações da STN, até o dia 3 de maio existiam 1.092 Municípios com pendências. Desses, 506 estão em alguma fase do preenchimento e 586 ainda não iniciaram o procedimento. A CNM lembra que embora não seja mais critério para recebimento do VAAT-Fundeb, o requisito da DCA permanece como exigência ao recebimento de transferências voluntárias e contratações de operações de crédito do Sistema de Informações sobre Requisitos Fiscais (Cauc).

Ainda é considerado parte fundamental para a consolidação das contas públicas no Balanço do Setor Público Nacional (BSPN) realizado anualmente pela STN. O prazo para a homologação da DCA encerrou no dia 30 de abril. Todavia, como forma de promover a consolidação das contas públicas referente a 2021 e, com o intuito de ter a maior quantidade de entes possível, a STN decidiu estender até a próxima segunda-feira. 

Fonte: CNM/ Quinta-feira, 19 de Maio de 2022 –

https://www.cnm.org.br/comunicacao/noticias/municipios-que-deixaram-de-entregar-declaracoes-das-contas-anuais-podem-deixar-de-receber-recursos-confira-as-orientacoes